Início

24 de maio de 2016

DICA DE LIVRO: UM DIA - DAVID NICHOLLS

Olá pessoal! Tudo bem com vocês? :) Ler é uma das coisas que mais amo na vida, provavelmente até mais do que assistir um bom filme. Bom, talvez fique empatado. :D Acho que se expressar através das palavras, fazer as pessoas viajarem por meio das suas ideias, são as coisas mais magníficas que existem. Quantas vezes já me peguei chorando, dando boas gargalhadas ou filosofando sobre a vida ao ler um bom livro... Se você não gosta de ler, meu amigo ou minha amiga, é só porque ainda não encontrou o tipo de história ou gênero que lhe agrade, tenho certeza! 
E pra começar com as dezenas de dicas de livros que tenho para dar, escolhi uma história que me comoveu bastante, e não por ser um dramalhão, mas pela extrema veracidade com que a história foi escrita. 

Um Dia, de David Nicholls



Primeiramente, a sinopse:
Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro.
Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas — vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois.

Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. Dexter e Emma enfrentam disputas e brigas, esperanças e oportunidades perdidas, risos e lágrimas. E, conforme o verdadeiro significado desse dia crucial é desvendado, eles precisam acertar contas com a essência do amor e da própria vida.
No livro somos apresentados à Em e Dex, dois recém formados que se conhecem no dia 15 de julho de 1988. Na noite em que se conhecem quase rola algo mais quente entre eles, mas conversa vai conversa vem, e eles acabam ficando na amizade. E essa relação de amor e amizade dura anos e anos, e testemunhamos ela sempre em acontecimentos do dia 15 de julho de cada ano que se segue. Às vezes neste dia eles acabam se encontrando ou estão passando juntos, ou então somos apresentados à situações que eles estão vivendo neste dia, mesmo não estando em contato um com o outro. Mas não pense que é um livro sobre romance, não que não tenha um pouco. Na verdade, Um Dia é um livro sobre a vida. Sobre amizade, relações amorosas e familiares, sonhos, escolhas, fracasso e sucesso, vícios e doenças, e sobretudo, claro, o amor, seja o que você sente pelo seu amigo(a), companheiro(a) ou familiar.
Confesso que não foi um livro que li rapidamente, como acontece com muitos. Tive que dar uma parada na história às vezes e pensar um pouco. Pensar no quê? Na vida. Não tem como você não se identificar em determinadas situações com os personagens. Muitas vezes me vi ali representada na personagem da Emma, e isso me assustava um pouco, então tinha que dar uma parada na leitura e refletir. 
Bom, na verdade não quero dar aqui spoilers ou descrever minuciosamente cada personagem ou situação, quero apenas que vocês leiam e descubram a maravilha que é Um Dia. Tenho certeza que essa história vai te tocar de alguma forma. E se não for este livro, que seja qualquer outro, porque ler é uma das melhores coisas que existe. 

Ah, e o melhor de tudo é que tem o filme Um Dia, com roteiro adaptado pelo próprio autor, David Nicholls. Então, essa já é também uma dica de filme, que assim como o livro, é maravilhoso. E quem faz a Em é a Anne Hathaway, atriz que eu adoro!




Então pessoal, espero que tenham gostado da dica! E se você já leu o livro ou assistiu o filme, adoraria saber a sua opinião. Conta aí! ;)

Mil beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário